sexta-feira, 26 de março de 2010

Sesinho em versão teen


A centésima edição da revista em quadrinhos Sesinho - publicação produzida mensalmente pela agência Exa World e distribuída de forma gratuita, em todo o Brasil, nas unidades do SESI - Serviço Social da Indústria - traz um HQ especial na qual os personagens encarnam uma versão adolescente.

De acordo com informações divulgadas na imprensa, Sesinho e sua turma poderão, em breve, estrelar um título periódico de suas "contrapartes juvenis", dessa vez em estilo mangá, assim como Luluzinha Teen e Didi & Lili, gibis que surgiram na esteira do sucesso da Turma da Mônica Jovem.

A revista mensal de Sesinho estreou em 1947, vendida em bancas e com sistema de assinaturas. Desde então, tem como público-alvo crianças, jovens e adultos, para os quais apresenta contos, fábulas adaptadas e atualizadas, textos teatrais, partituras, passatempos, orientação para trabalhos manuais, reportagens sobre assistência às famílias operárias e outras atividades do SESI desenvolvidas em todo o País.

O título foi cancelado em 1960 e retornou em 2001, com nova numeração. Atualmente, o gibi é usado em escolas públicas e particulares como instrumento educacional, transmitindo conhecimentos variados, atuais ou de interesse contínuo, bem como princípios e valores relacionados à cidadania, amizade e solidariedade, ao companheirismo, à importância dos estudos e ao respeito com o meio ambiente, dentre outros temas, sempre utilizando quadrinhos, passatempos e matérias dissertativas.

As 32 páginas editoriais de Sesinho # 100 também estão disponíveis gratuitamente para leitura o online ou download. Clique aqui e confira.

FONTE: UNIVERSO HQ

2 comentários:

Andressa disse...

HAHA , minha escolaa :D

Sávio Christi disse...

Bom, espero que não invistam neste tal Sesinho Jovem; já que os demais amerimangás (sim: existe este termo, a Wikipédia Inglesa pode confirmar!) 'ripados' da "Turma da Mônica Jovem" ("Luluzinha Teen e Sua Turma", "Moranguinho Teen" e "Didi e Lili ― Geração Mangá") perderam totalmente as características físicas e psicológicas e a qualidade dos textos em si em relação às versões originais!