sábado, 8 de maio de 2010

Você sabe por que comemoramos o dia das mães?


Embora o Dia das Mães seja comemorado em muitos países, são poucos os que conhecem a origem da festa e a participação dessas senhoras na recriação das atuais comemorações.

Conta-se que na Grécia Antiga, toda primavera (no Hemisfério Norte...) havia uma celebração em honra de Rhea, a Mãe dos Deuses. Depois, por volta de 1600, na Inglaterra, começou a ser festejado o Mothering Day, em homenagem às mães.

Nessa época, os mais pobres trabalhavam como serventes dos mais ricos, morando na casa dos empregadores porque a maioria das tarefas eram localizadas longe de suas casas. No Mothering Day, porém, os trabalhadores teriam o dia reservado para voltarem a suas casas e passearem junto de usas mães. Nessas datas, era feito um bolo especial, o mothering cake, para fornecer um ar festivo, de confraternização e união.

Em 1872, nos Estados Unidos, Julia Ward Howe sugeriu a criação de um dia dedicado à paz. Anos depois, Ana Jarvis, da Filadélfia/EUA, iniciou uma campanha para estabelecer o Dia das Mães naquele país, e sugeriu celebrar a data no segundo aniversário da morte de sua mãe, um segundo domingo do mês de maio.

Ana e seus apoiadores começaram a escrever aos ministros, jornalistas e políticos, buscando estabelecer o Dia das Mães nacional. Sua campanha prosperou e em 1911 o Dia das Mães foi celebrado em quase todos os estados dos EUA.

Finalmente, em 1914, o presidente Wilson decretou oficialmente o Dia das Mães como um feriado nacional, fixado no segundo domingo de maio de cada ano. Essa data é seguida em países como Dinamarca, Finlândia, Itália, Turquia, Austrália, Bélgica e o Brasil, enquanto outros países adotaram datas diferentes.

Mais uma curiosidade encontrada na Internet: em inglês, "Feliz Dia das Mães" é dito como "Happy Mother's Day"; em italiano, "Tanti Auguri, Mammina"; em alemão, "Alles Gute Zum Mutter Tag".

FONTE: NOVO MILÊNIO

Dicas

  1. A professora Ana Karina traz uma série de sugestõe para trabalhar o dia das mães na educação infantil. Para conferir, clique aqui!
  2. Conheça a Supermãe, uma criação do mestre Ziraldo. Ela pode ser a inspiração para bons trabalhos com crianças da educação infantil e do ensino fundamental. Para saber mais sobre a personagem, clique aqui e aqui!
  3. História ilustrada do dia das mães, disponível no site Sementinhakids. Confira clicando aqui!

4 comentários:

Rocio Rodi disse...

Que legal, Natânia!
Não conhecia a "história" do dia das mães. História pesquisada por uma professora da área.
Sempre tem um quê capitalista, mas, nós damos a esse dia todo o amor que elas merecem, e com isso vamos ressignificando a vida e o mundo supérfluo...

Feliz dia das mães!
Maria do Rocio

Dressa disse...

Oi, Natania! Conheci seu blog pelo grupo Blogs Educativos e gostei muito, parabéns! Já estou te seguindo! Se quiseres, faz uma visitinha ao meu http://alfabetizacaomagica-dressa.blogspot.com/ Abço Dressa

Natania Nogueira disse...

Oi, Maria! Nem eu conhecia, mas imaginei que deveria ter alguma coisa a mais, e acabei me surpreendendo.
:-)

Natania Nogueira disse...

Obrigada, Dressa!
Vou visitar seu blog sim!
Um abraço!